Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Quer comer menos açúcar? Durma mais

Alguns minutos a mais de sono ajudam a melhorar a dieta

Por Pâmela Carbonari Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
12 jan 2018, 16h32

Aviso aos formigões que não resistem a um docinho: passar mais tempo na cama durante a noite faz com que você sinta menos vontade de comer açúcar.

Um estudo publicado no periódico científico The American Journal of Clinical Nutrition mostra que quem dorme mais se alimenta melhor e consome menos açúcar ao longo do dia.

A relação entre sono e açúcar entrou por acaso na descoberta dos cientistas da King’s College de Londres. Eles estavam investigando se era possível aumentar a quantidade de tempo de sono de um grupo de voluntários dando dicas e ensinando técnicas de como ter uma noite melhor.

Para isso, dividiram 42 adultos que dormiam de cinco a sete horas por noite em dois grupos. Um deles recebeu orientações para melhorar a qualidade do sono, tais como evitar cafeína à noite, criar uma rotina de relaxamento, não ir para a cama de barriga cheia nem com fome. A outra metade dos participantes não recebeu nenhuma recomendação. O objetivo era que eles dormissem 1h30 min a mais por noite. Os padrões e hábitos de sono e alimentação dos dois grupos foram monitorados por quatro semanas.

Entre os voluntários que receberam conselhos para uma noite melhor, 86% conseguiram atingir a meta de dormir 1h30 a mais. Os pesquisadores perceberam que quem dormiu mais reduziu seu consumo de açúcar em 10 gramas por dia. Também houve uma diminuição no consumo de gorduras e carboidratos. Já no grupo que foi para a cama sem aconselhamento, não houve nenhum avanço nas horas de sono ou na qualidade da dieta.

Segundo a líder do estudo, Wendy Hall, a pesquisa pode ajudar a desenvolver tratamentos para doenças cardíacas e diabetes. Mas, para que isso aconteça, será necessário fazer mais testes. “A pesquisa foi relativamente curta. O próximo passo é testar se o peso e a gordura corporal também diminuirão após uma intervenção que dure meses, em vez de semanas”, disse em entrevista à revista Time.

Na próxima vez que você sentir uma vontade incontrolável de comer doce, fica a dica: em vez de açúcar, talvez você esteja precisando de uns minutos a mais na cama.

  • Relacionadas
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.