Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

É verdade que o leite pode inibir a ação de venenos?

Muito pouco. O máximo que ele pode fazer é ajudar a neutralizar e amenizar um pouco sua ação. Em caso de intoxicação, a primeira coisa a se fazer é procurar um médico e não buscar soluções caseiras. Existem venenos que atuam diretamente no local, causando lesões no esôfago e no estômago quando entram em contato […]

Por Redação Mundo Estranho Atualizado em 4 jul 2018, 20h19 - Publicado em 18 abr 2011, 18h56

Muito pouco. O máximo que ele pode fazer é ajudar a neutralizar e amenizar um pouco sua ação. Em caso de intoxicação, a primeira coisa a se fazer é procurar um médico e não buscar soluções caseiras. Existem venenos que atuam diretamente no local, causando lesões no esôfago e no estômago quando entram em contato com a mucosa. “Nesses casos, beber leite pode ajudar a proteger as paredes dos órgãos afetados, atenuando as lesões enquanto a pessoa está a caminho do hospital”, diz o gastroenterologista Heitor Rosa, presidente da Federação Brasileira de Gastroenterologia. Já nos casos de ingestão de venenos de ação sistêmica – como são chamados aqueles que penetram a corrente sanguínea logo após a ingestão – o leite não pode ajudar. “Enquanto o tóxico está no estômago, ele pode até neutralizar um pouco sua ação, mas sem interferir na absorção do veneno pelo organismo”, diz Heitor.

Por isso, se for uma picada de cobra ou de escorpião, nem adianta tomar leite, pois o veneno obviamente entra no corpo não pelo estômago, mas por outro caminho.

Publicidade