Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

75% dos brasileiros estará acima do peso em 20 anos

Casos de doenças acarretadas pelo excesso de peso também devem ter impactos epidemiológicos e econômicos para o país

Por Isabela Lobato
6 jul 2024, 10h00

Analisando os padrões de peso dos brasileiros nos últimos anos, cientistas calculam que, em 20 anos, aproximadamente 75% da população estará acima do peso – atualmente, a proporção é de 56%. Na prática, seriam 83 milhões de brasileiros com obesidade e 47 milhões com sobrepeso.

Entre 2006 e 2019 a prevalência da obesidade quase dobrou, e é mais comum entre mulheres, pessoas não-brancas e com menos escolaridade. Os autores não procuraram explicar neste estudo as razões para essas diferenças. É possível que elas sejam causadas por relações problemáticas no acesso a alimentos saudáveis, além do maior consumo de comidas baratas e ultraprocessadas.

Neste estudo, os pesquisadores utilizaram um modelo de tabela de vida para estimar os impactos do sobrepeso e da obesidade em 11 doenças associadas ao elevado Índice de Massa Corporal (IMC) no Brasil até 2044. Supondo que as tendências atuais sejam mantidas, o modelo estima mortes atribuíveis e casos incidentes de doenças cardiovasculares, diabetes, doença renal crônica, cirrose e cânceres. Essas estimativas são baseadas em dados demográficos e epidemiológicos de pesquisas nacionais e do Estudo de Carga Global da Doença (GBD).

Os autores chamam atenção para a carga epidemiológica e econômica que a mudança deve causar no sistema de saúde. Isso porque, seguindo a tendência atual, o país teria 10,9 milhões de novos casos de doenças crônicas associadas ao sobrepeso e obesidade nos próximos 20 anos.

Continua após a publicidade

Os resultados foram obtidos por meio de dados demográficos e epidemiológicos de pesquisas nacionais e do Estudo de Carga Global da Doença (GBD), assim como um modelo de tabela de vida que permite estimar os impactos do sobrepeso e da obesidade em 11 doenças associadas. 

As principais doenças devem ser as cardiovasculares (2,12 milhões de novos casos); cânceres (122 mil novos casos); diabetes (5,57 milhões de novos casos); doença renal crônica (2,78 milhões de novos casos); e cirrose (292 mil novos casos).

O estudo também especula que as mesmas razões possam causar 1,2 milhão de mortes nos próximos 20 anos.

No mapa abaixo, veja qual parcela da população está acima do peso em cada país.

Continua após a publicidade
Infografico mostrando o nivel de obseidade em cada país.
(Arte/Superinteressante)

“Com base nas tendências atuais, a carga epidemiológica e econômica do sobrepeso e da obesidade no Brasil aumentará significativamente, portanto políticas robustas precisam ser implementadas no país, incluindo o tratamento dos casos existentes e a prevenção do sobrepeso e da obesidade em todas as faixas etárias”, dizem os autores.

 “É importante trabalhar desde a primeira infância até a idade adulta, melhorando os ambientes alimentares por meio de políticas regulatórias e fiscais que facilitem escolhas alimentares saudáveis, como consumir uma diversidade de alimentos frescos e minimamente processados e, ao mesmo tempo, evitar escolhas não saudáveis, como alimentos ultraprocessados”, acrescentam.

Os resultados foram publicados em um estudo apresentado no Congresso Internacional sobre Obesidade (ICO) 2024, que é um dos principais eventos sobre o tema no mundo e ocorre em São Paulo de 26 a 29 de junho. 

Continua após a publicidade
Compartilhe essa matéria via:
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.