Clique e assine a partir de 5,90/mês
Publicidade

Tudo sobre queimadas

Áreas de conservação foram reduzidas drasticamente nas últimas semanas devido ao fogo. E a culpa não é só do clima seco: incêndios ilegais são comuns.
Incêndios na Austrália afetaram cerca de 3 bilhões de animais, dizem cientistas
Ciência

Incêndios na Austrália afetaram quase 3 bilhões de animais, dizem cientistas

Por Carolina Fioratti - Atualizado em 28 jul 2020, 17h21 - Publicado em 28 jul 2020, 17h18
Segundo relatório, aumento anormal da temporada de queimadas prejudicou dezenas de espécies, causando mortes e perdas de habitat.
A área destruída tem o tamanho da cidade de Belém (PA). E logo estará em chamas: os incêndios geralmente começam dois meses após a remoção da mata nativa.
incendio-controlado-floresta
Ciência

Fogo controlado pode ajudar a evitar grandes incêndios florestais, diz estudo

Por Bruno Carbinatto - Atualizado em 22 jan 2020, 16h24 - Publicado em 22 jan 2020, 16h17
Mas não se engane: isso só funciona em alguns tipos de florestas, e quando há muito planejamento técnico envolvido
jenny-evans_gettyimages_australia_fumaca_brasi
Sociedade

O quanto a Austrália já queimou

Por SUPER - Atualizado em 28 jan 2020, 19h05 - Publicado em 18 jan 2020, 18h58
O país tem um longo histórico de queimadas. Mas a temporada de incêndios atual, que consumiu um território equivalente ao da Coreia do Sul, foge da curva.
incendiosaustralia
Ciência

O que explica a temporada anormal de incêndios na Austrália

Por Guilherme Eler - Atualizado em 10 jan 2020, 20h22 - Publicado em 10 jan 2020, 19h29
Em 2019, país teve seu ano mais quente e seco. A culpa, claro, é do aquecimento global – somado a dois fenômenos climáticos locais.
Após percorrer mais de 12 mil km desde a Oceania, névoa chega ao Sul do país.
A Amazônia foi um dos principais focos, mas grandes queimadas atingiram também a África, Ásia e o Círculo Polar Ártico.
Feito de produtos naturais, material consegue impedir o alastramento das chamas de forma surpreendente. Veja vídeo.
SI_CéuVermelho
Ciência

Queimadas deixam céu vermelho na Indonésia

Por Maria Clara Rossini - 24 set 2019, 18h23
Tonalidade incomum é resultado de altas concentrações de um poluente específico. Entenda como o fenômeno acontece – e o papel dos incêndios.
SI_408_Amazonia_Home
Sociedade

Amazônia sitiada: a relação entre queimadas e desmatamento

Por Guilherme Eler - Atualizado em 16 set 2020, 12h32 - Publicado em 23 set 2019, 18h54
A maior ameaça à soberania nacional está dentro do nosso território. Saiba quem são os agentes por trás dos desmatamentos – e como ganham dinheiro com isso.
O engenheiro florestal Rubens Benini explica à SUPER por que a remoção da floresta de um local aumenta o risco de fogo espontâneo na vegetação nativa que resta nas redondezas.
amazonia
Ciência

Os satélites da Nasa e as queimadas na Amazônia: entenda a confusão com os dados

Por Guilherme Eler - Atualizado em 22 ago 2019, 19h54 - Publicado em 22 ago 2019, 19h25
Informações divulgadas pela agência espacial americana confirmam ou negam o maior número de focos de incêndio no norte do Brasil dos últimos dias? A resposta é: confirmam. E nós explicamos por quê.
SI_SãoPaulo_escura
Ciência

Afinal, a fumaça que deixou São Paulo no escuro veio mesmo da Amazônia?

Por Guilherme Eler - Atualizado em 21 ago 2019, 18h58 - Publicado em 21 ago 2019, 15h05
Institutos de pesquisa divergem sobre o tamanho da influência de incêndios da região norte no fenômeno. Mas uma coisa é certa: queimadas mudam, sim, o céu de cidades pelo Brasil.
5706b20582bee10ed50a6af9tronco_torto2_site.jpeg
Ciência, Mundo Estranho

Por que as árvores do Cerrado possuem troncos tortuosos?

Por Lucas Baptista - Atualizado em 4 jul 2018, 20h24 - Publicado em 7 abr 2016, 16h30
É devido a uma combinação de fatores naturais. A flora do Cerrado possui características biológicas que a protegem da morte em caso de queimadas
Publicidade